Vindimas na companhia das Lezírias

Quero alertar-vos para o seguinte: há um monte de quintas a fazer programas de vindimas e não há nada melhor do que fazer uma experiência de apanhar uva para ficar a conhecer aquela que é uma das maiores tradições portuguesas: fazer vinho.

Fui ontem à Companhia das Lezírias ver se este tipo de programas continua a ter adesão e saí de lá impressionada com o número de pessoas que vi e a organização com que tudo foi feito. A experiência foi pensada para pessoas que queiram ir com a família (incluindo crianças), com amigos, ou mesmo sozinhas. E ontem ainda foi mais especial porque teve a participação do enólogo Bernardo Cabral (que tem um jeitão para explicar às crianças como se faz vinho) e a organização da maravilhosa Olena Cherkashyna, uma das melhores responsáveis de enoturismo que conheço, que sabe receber como ninguém, tem conhecimento na matéria e sempre um sorriso na cara. Para mim, enoturismo é, acima de tudo, saber receber bem, e nisso a Companhia da Lezírias (a maior exploração agro-pecuária do país) é exemplar. De tal forma, que até eu que estou com as vindimas pelos cabelos, ainda dei uma ajuda!!

 

Set, 10, 2018

0

SHARE THIS