Vinhos Barbeito

O que faz uma pessoa chegar à Madeira vinda do Japão e, mesmo com o jet lag, receber enoturistas? Uma boa amizade e, claro, paixão pelo vinho.
Mas vamos por partes. Mário Barbeito trabalhou na H.M. Borges, onde adquiriu muita experiência no negocio de vinho Madeira. A determinada altura saiu da empresa e fundou o seu próprio negócio em 1946, no rescaldo da segunda grande guerra mundial, comprando stocks de vinho que começou a comercializar dois anos depois. A época era arriscada mas a empresa singrou. Manuela, filha do fundador, foi a natural herdeira da Barbeitos, continuada agora pelos seus filhos, sendo Ricardo a cara mais visivel do projecto.
Depois de uma visita muito bem guiada pelo Leandro, o Ricardo ainda teve forças para, depois de tão longa viagem, vir cumprimentar os 'Wine Tryvelers'. Obrigada pela presença e por terem dado a conhecer alguns vinhos bem interessantes.
Já o final da tarde foi regado com aguardente e poncha, depois de uma visita aos Engenhos do Norte.

Na foto, Ricardo Diogo, neto do fundador Mário Barbeito.

 

Jul, 10, 2018

0

SHARE THIS