Lançado vinho do Porto comemorativo

Há já alguns anos que isto acontece, mas agora, é uma tendência. As principais casas de vinho do Porto, e até pequenas empresas, começaram a lançar vinhos especiais, antigos e raros, a um preço elevado, indicados apenas para apreciar em ocasiões especiais. O mais recente é uma edição comemorativa de um vinho do Porto da Gran Cruz, especialmente criado para assinalar os seus 130 anos. Cada garrafa é uma peça única, produzida artesanalmente, contendo um tawny muito velho, que esteve guardado mais de 100 anos em pipas de carvalho, no Douro e em Gaia. O lote final, composto por alguns vinhos produzidos antes da filoxera, com outras raridades que a empresa armazenou ao longo da sua existência, resultou numa produção limitada a 250 garrafas. Este vinho, de tom dourado / acastanhado, é outro daqueles exemplos em que não há preço que pague o momento em que o bebemos. É certo que a maioria das pessoas não poderá prová-lo devido ao seu elevado preço mas, mesmo assim, se o compararmos com o de outras empresas, nem é assim tão caro. Só para dar um exemplo de um vinho do mesmo género, o ‘Vallado ABF Very Old Port ‘, engarrafado em 2016 para celebrar os 300 anos da quinta, custa 3.350 euros a garrafa, e o Gran Cruz 1.500 euros.
No outro dia, em conversa com alguém que me disse que nunca beberia um vinho destes porque não tinha dinheiro para o fazer, lembrei-me de um enófilo que conheci - daqueles cromos que não fazem outra coisa senão pensar em vinho -, que juntou uns quantos amigos iguais a ele e compraram uma garrafa destas em conjunto para deitar abaixo num jantar de Natal! Não deixa de ser uma boa ideia.
  
 

Nov, 21, 2017

0

SHARE THIS